06 de junho de 2014 por Becomex

“Quem exporta é competitivo”, afirma Godinho

Jaraguá do Sul-SC (5 de junho) – “Quem exporta é competitivo”, afirmou hoje o secretário de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Daniel Godinho, no painel de abertura do Encontro Empresarial de Comércio Exterior (Encomex Empresarial), em Jaraguá do Sul-SC. Para Godinho, por meio da atividade exportadora, o empresário não só aperfeiçoa os seus produtos, mas “desenvolve um modelo de negócios mais eficiente para a conquista de mercados e que é capaz de melhor superar dificuldades”, comentou.

No evento, o secretário apresentou dados da balança comercial de Santa Catarina e de Jaraguá do Sul e ouviu relatos de empresas exportadoras da região. Ele destacou o fato de que a participação das empresas catarinenses de médio e pequeno porte no valor total das exportações, de 9%, é maior que a média brasileira, de 4%. “È um percentual maior, mas ainda assim é pequeno. Por isso, realizamos eventos como o Encomex para dar conhecimento das vantagens da exportação e ainda das ferramentas de apoio ao empresário que deseja vender para mercados no exterior”, disse.

Godinho lembrou que o governo federal lançou, no final de março, o programa Portal Único de Comércio Exterior, com ações planejadas para os próximos quatro anos que irão reduzir a burocracia e o tempo gasto para realizar as operações de exportação e importação.

O secretário ainda anunciou que, brevemente, o governo irá lançar o Brasil Export, um portal que vai concentrar todas as informações disponíveis sobre comércio exterior e investimentos. “Hoje temos diversos sites com informações segmentadas sobre o tema e identificamos a necessidade de reuni-las, de forma organizada e simples, em uma única plataforma”, explicou. O projeto é realizado em parceria entre o MDIC, o Ministérios das Relações Exteriores (MRE) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

No Encomex, também foi lançada a nova versão do Serviço Brasileiro de Informações sobre Comércio Exterior (Comex-Responde) que unifica o atendimento por meio de 23 órgãos públicos federais para responder dúvidas sobre diversos temas da área, como normas e estatísticas de exportação e importação, acordos comerciais, oportunidades comerciais, propriedade intelectual, logística e transportes, entre outros. O Comex-Responde é gerido pela Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do MDIC e, com a ampliação, todos os órgãos intervenientes passam a utilizar o canal para responder às questões dos usuários e providenciar esclarecimentos sobre os assuntos de suas áreas de competência.

A prestação das informações no Comex-Responde é gratuita e a consulta é realizada de forma clara e objetiva. Cabe ressaltar, no entanto, que não é objeto de resposta do serviço solicitações de providências e consultas relativas a processos e requerimentos individuais. O serviço contabilizou mais de 100 mil acessos no mês de maio e a expectativa é de que o número de usuários aumente ainda mais, a partir de agora, com a integração dos órgãos.

O que é o Encomex

O Encomex Empresarial tem como objetivo expandir a pauta brasileira de exportação em quantidade, qualidade e variedade de produtos, mercados de destino e empresas brasileiras participantes no mercado internacional. A iniciativa é fruto da necessidade das instituições públicas e privadas de fomentar o desenvolvimento da exportação nos setores de indústria, comércio, serviços, agropecuária e turismo e de promover o acesso às informações sobre as políticas, ações e estrutura do comércio exterior. A programação do evento é direcionada aos pequenos e médios empresários que têm oportunidade de sanar suas dúvidas, ampliar conhecimentos, atualizar informações sobre o comércio exterior e acessar novos mercados.

Para atingir estes objetivos, a Secex conta com a parceria da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), do Banco do Brasil, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), da Caixa Econômica Federal, da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT), do Governo do Estado de Santa Catarina, da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc), da Prefeitura de Jaraguá do Sul, do Centro Empresarial de Jaraguá do Sul, entre outros.

A Becomex se fez presente ao evento com cerca de 10 profissionais, que aproveitaram os despachos executivos organizados pelo DECEX, para discutir pautas de seus clientes.

André Diniz
Assessoria de Comunicação Social do MDIC

Becomex

Veja outros posts!